Entidades da magistratura e do MP realizam ato em SP contra a impunidade

    Associações têm objetivo de conscientizar a população sobre os malefícios da Lei de Abuso de autoridade

    A Ajufe e a Ajufesp, unidas às entidades que compõem a Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público, realizaram, nesta terça-feira (05), um ato público a fim de questionar a Lei do Abuso de Autoridade e conscientizar a população acerca dos malefícios da nova legislação. A ação ocorreu em frente ao Fórum Ministro Pedro Lessa, em São Paulo, e contou com dezenas de magistrados e membros do MP.

    O ato foi batizado de Movimento contra a impunidade e tem entre as pautas o combate à agenda negativa que vem sendo articulada contra a magistratura e contra o Ministério Público, tanto no âmbito federal quanto no estadual. Durante o ato, os representantes das entidades falaram sobre a tentativa de enfraquecimento do Poder Judiciário.

    O presidente da Ajufe, Fernando Mendes, destacou que a urgente necessidade de preservação das instituições. “Nós vivemos um momento político muito sensível. As instituições vêm sendo sistematicamente atacadas, e sem uma magistratura independente, sem um Ministério Público independente, nós vamos passar por um estágio de caos. Precisamos preservar as instituições. Há uma agenda negativa de ataque à Magistratura e ao Ministério Público, e isso precisa ser interrompido”, avaliou Mendes.

    “Os magistrados não podem sentir medo de atuar de forma independente. No dia em que isso acontecer, não teremos mais democracia, não teremos mais liberdade. Esse ato simboliza esse momento de união de todas as carreiras, visando o fortalecimento das instituições”, finalizou o presidente da Ajufe.

    WhatsApp Image 2019 11 05 at 17.42.13 3  WhatsApp Image 2019 11 05 at 17.45.01 1

    Tags:
    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org