Centro Nacional de Inteligência debate Caso Brumadinho, Operação Pente Fino do INSS e boas práticas

     

    Durante dois dias, o vice-presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil na 1ª Região, Newton Ramos, e o secretário-geral, Rodrigo Coutinho, reuniram-se com outros magistrados que integram o Centro Nacional de Inteligência da Justiça Federal. A reunião, que começou ontem (26), foi encerrada nesta quarta-feira (27) com a apresentação de trabalhos realizados pelos tribunais para aprimorar as práticas jurisdicionais e aumentar a efetividade e eficiência do sistema de justiça. O encontro ocorreu na sede do Conselho da Justiça Federal, em Brasília.

    No primeiro dia, os magistrados debateram a política de custas na Justiça Federal e o uso predatório do sistema. Também foram discutidos o Caso Brumadinho, com o debate a respeito das medidas cabíveis para solução dos conflitos judiciais com maior celeridade, e a Operação Pente Fino, do INSS, com o objetivo de revisar a concessão de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez.

    Dentre as práticas apresentadas no segundo dia de encontro foi destaque o sistema tecnológico desenvolvido pela Justiça Federal do Rio Grande do Norte para facilitar o armazenamento e conhecimento e mediação de tratativas dos membros do Centro de Inteligência de Natal. Por meio da ferramenta, é possível compartilhar informações, eventos, notas técnicas, votações, entre outros.

    Durante a reunião, o assessor-chefe do Núcleo de Gerenciamento de Precedentes do STJ, Marcelo Ornellas Marchiori, destacou a importante contribuição dos Centros de Inteligência da Justiça Federal, por meio de notas técnicas, para o Tribunal.

    A próxima reunião técnica deve ser realizada nos dias 30 e 31 de maio, na sede do CJF, em Brasília.

    WhatsApp Image 2019 02 26 at 12.59.57

    Tags:
    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org